15 julho 2007

Estou absolutamente possesso!

Como é que é possível algumas pessoas acharem que são tão importantes que, qualquer opinião emitida por terceiros (neste caso eu), é feita com o único propósito de manchar a sua existência? O grande erro, no caso destas pessoas é terem um ego tão grande ou tão pequeno que precisam de o normalizar de alguma forma.

Olhem bem para mim... mas eu tenho pinta de psicólogo ou baby-sitter? Tenho bigode, pêra e um sofá? Ou um biberão e o comando da TV? Não! Então eu não sirvo para normalizar porra nenhuma! Pior... o meu egozinho também é um estupor do caraças e se há coisa que eu tenho é um feitio fedorento e quando me passam aqui nas vistas as Internoitadas diabólicas dos descompensados, eu afino.

E é que foi isso mesmo que aconteceu agora mesmo! E embora tenha dito que estava calmo, não estou... estou possesso. Por isso e dado que este canal é um ponto privilegiado para eu partir a loiça toda, aqui fica, mais ou menos ao vivo, mais ao menos a cores, mas totalmente personalizado:

Foi-me dito que usei a minha posição de moderador para incendiar ainda mais um tópico. Ao contrário da imagem que se tenta passar, não és importante o suficiente para que eu tenha qualquer propósito negativo em relação à tua pessoa. O que fiz em todos os fóruns e portais que criei ou fui administrador foi com o propósito de simplesmente cumprir a minha função. Não tenho agendas escondidas com pessoas que vou ajudar ou pessoas que vou mandar abaixo.

Eu... tenho vida... e tenho mais o que fazer do que estes joguinhos, ok?

Foi-me dito que o que eu disse não é verdade. Opiniões... são uma coisa fantástica, mas uma opinião não é verdade, nem mentira, é simplesmente uma opinião. Uma opinião, é como o cu: toda a gente tem, só dá quem quer.

Foi-me dito que eu gostei de mandar abaixo. Nem tinha reparado que tinha mandado abaixo. Aqui é uma questão de perspectiva. Abaixo, acima, ao centro...

E last but not least... antes de um forçoso "Ignore" no MSN ainda tive tempo de ler: "Eu não sou de ameaças..." e ainda bem, porque ameaças são coisas de gente cobarde. Já tive ameaças de me darem uma facada nas costas, de saberem onde eu moro e ameaçarem a minha família, de despedimento, de terminação sumária da minha carreira e até agora nenhuma se confirmou.

Eu sou frontal. Eu não apago o que escrevo. Eu não ameaço. Eu não faço jogos de bastidores. Eu sou franco e aberto.

E pronto, já não estou possesso.

7 comentários:

WhiTdeMoN disse...

Caneco o que tu escreveste
aqui, foi mesmo acido
mais valia nao
andares com tanta irritacao e
criares coisas mais uteis tipo
historias para as crianças
idolatrarem e adorarem mas
nao tentes fazer sentido que nao tens
hipoteses d'ganhar uma discucao com o
oMnipotente, O HEROI da nacao

o que sei é que

realmente eu nao faço s_
entido nenhum!!
ihih

Vlad disse...

Tens razão... sou uma besta! Vou escrever um livrinho.

Raistlin disse...

*palmas*

KosmiCKhaoz disse...

just spoing that! ;)

Ainda estou um pouco perdido quanto ao post mas tenho aqui um feeling que se for ler as últimas do GD-PT percebo o que se passou :D

A escrever é que a gente se entende lol ;)

Summer disse...

É assim mesmo, "joga" tudo cá para fora! Seja lá o que tenha sido há "coisas" que simplesmente não valem que lhes demos atenção em demasia.

Beijinhos!

www.justwords.blogs.sapo.pt

Tiago Sousa disse...

Eu cheira-me que o kosmickhaoz tem razão e até deduzo a origem das ameaças...

Nucunão disse...

epah homem tem calma.
Quanto ás ameaças: cão que ladra não morde, pelo menos a maior parte mas também já me disseram que se mostrar-mos medo aos animais é pior, por isso acredita que não vai morder.